6 de mar de 2010

Previsão de 08 a 12 de Março 2010

Previsão para a semana de 08 a 12 de Março.

O receio dos investidores em relação do déficit orçamentário da Grécia torna-se cada vez menor, o que permitiu o avanço do euro até seu máximo em quinze dias face ao dólar americano. Portanto, não há quaisquer garantias que a Alemanha e a França ajudem a economia mais depressiva da zona Euro - por isso, o reforço da unidade monetária européia mantém, como sempre, o caráter instável.

Vale prestar atenção a uma das notícias que, freqüentemente, formam tendências mensais – nomeadamente, a Massa Salarial Não Agrícola nos Estados Unidos, apontada para sexta-feira, dia 5 de março. De acordo com estrategistas, o número dos empregados diminuirá em 65 mil, afetando provavelmente o dólar. Levando em consideração os dados de emprego da ADP, que não tinham revelado dinâmica negativa, é razoável esperar novamente a liderança do americano.

Assim sendo, até o fim de semana o euro/dólar vai oscilar entre 1,35 e 1,38, a libra tentará se fixar em nível de 1,52, o iene pode se valorizar até 87,00 se não for pressionado pelas autoridades japonesas.

Frente à semana corrente, a semana que vem não fornecerá muitas notícias, por isso, as tendências recentes podem se manter atuais. Na ordem do dia, destacam-se o anúncio da taxa de juros principal do banco central da Suíça, os dados da manufatura britânica e, também, a balança comercial, as vendas a varejo americanas e a confiança da Universidade Michigan que deve aumentar em 0.9 até 73,7. As agendas mais ricas serão a japonesa (o PIB, agregados monetários, a balança comercial), a suíça (desemprego e a balança comercial) e a australiana.

Quanto a movimentações dos pares de moedas, caso o euro consiga se fixar acima de 1,38, a queda do dólar pode continuar até 1,40. A libra também vai tentar se valorizar. Caso termine a semana cotada abaixo de 1,52, o crescimento posterior será difícil. Mais clara é a situação do iene: a moeda japonesa tem como objetivo o nível 86,00, que pode ser facilmente atingido apesar das preocupações do Banco Central do país.

Retirado do Forex Club


www.arquivos-virtuais.blogspot.com